Prática Sociais e Processos Educativos

 

 

 

Parte da compreensão de processos educativos como inerentes e decorrentes de práticas sociais situadas em ambientes não escolares e escolares. Pesquisa essas práticas sociais na perspectiva de pessoas, grupos e comunidades lançando mão de metodologias dialógicas. Apoia-se em aportes teóricos da educação popular; educação popular e saúde; educação das relações étnico-raciais; educação, restrição e privação de liberdade; motricidade humana; educação musical; pedagogia e filosofia da libertação; epistemologias do sul.

Processos educativos em práticas sociais.

 

  • Educação em espaço de restrição e privação de liberdade: Descrição: Dedica-se ao estudo dos temas:
    • educação, conscientização e humanização em espaços de restrição e de privação de liberdade;
    • Educação de Jovens e Adultos – EJA em privação de liberdade;
    • práticas pedagógicas de professores, educadores sociais e socioeducadores;
    • processos educativos e socioeducativos (escolares e não escolares) e pessoas em restrição e privação de liberdade.

 

  • Educação e humanização: Descrição: Pesquisa processos educativos em práticas sociais que se dão: em movimentos sociais; em formação de educadores/as sociais; no fortalecimento de comunidades; em ações de educação popular, de educação popular e saúde, de grupos coletivos de música; nas relações de gênero e na promoção e exercício dos direitos sexuais e reprodutivos; na educação musical em geral; na motricidade humana; na fruição do lazer. As pesquisas têm como intencionalidade a humanização e a construção da vida digna para todos e todas.
Processos Educativos; Práticas Sociais; Dialogicidade; Humanização, Direitos Humanos.
  • Aida Victoria Garcia Montrone
  • Elenice Maria Cammarosano Onofre
  • Ilza Zenker Leme Joly
  • Luiz Gonçalves Junior
  • Maria Waldenez de Oliveira
  • Petronilha Beatriz Gonçalves e Silva